J" name="keywords" />
"Quando penso nessa data em primeiro lugar vem a minha mãe. Ela é a razão de eu ser cantor” afirma Jeferson Cunha
Além de ser muito elogiado pelas mulheres, que são a maioria do seu público nos shows, o cantor e ex-modelo mistura o pop com o ritmo sertanejo e consegue assim conquistar cada vez mais espaço.
Além de ser muito elogiado pelas mulheres, que são a maioria do seu público nos shows, o cantor e ex-modelo mistura o pop com o ritmo sertanejo e consegue assim conquistar cada vez mais espaço.

Créditos do fotógrafo Foto: MF Press Global

Erre Soares Por Erre Soares 12/03/2019
    Compartilhe:

Jeferson Cunha é um cantor que está atraindo bastante atenção na cena do entretenimento em São Paulo. Além de ser muito elogiado pelas mulheres, que são a maioria do seu público nos shows, o cantor e ex-modelo mistura o pop com o ritmo sertanejo e consegue assim conquistar cada vez mais espaço.

 

No Dia da Mulher, Jeferson homenageou a sua mãe, dona Lea da Cunha Barbosa e revelou que ela é a razão de tudo que faz no mundo da música: “Esse dia é muito especial e toda homenagem as mulheres é merecida. Mas quando penso nessa data, em primeiro lugar vem a lembrança da minha mãe. Ela é minha maior inspiração na vida e tudo que fiz até aqui, iniciei por causa dela. Tudo que sou eu devo a ela. Mesmo em meio a dificuldade financeiras, ela nunca deixou nada faltar”.

 

O cantor traz relatos de sua infância que justificam a sua gratidão e admiração pela mãe: "Pra vocês terem uma ideia de quanto minha mãe é e foi guerreira, quando eu era um neném, ela e meu pai precisavam trabalhar, e não tinham com quem deixar a mim e minha irmã. Então, minha mãe levava nós dois em um carrinho até a metade do caminho do trabalho, para encontrar meu pai que já estava saindo do serviço. Meu pai levava a gente pra casa e mais tarde fazia o mesmo percurso pra quando minha mãe saía do trabalho. Eles fizeram isso por um bom tempo. Eu tenho muito orgulho disso”.

 

O cantor também homenageou sua esposa, Leticia Barbosa, e falou sobre a importância do Dia da Mulher: "O Dia da Mulher pra mim é um dia importante demais, pois tenho três mulheres na minha vida, mãe, esposa e irmã. Minha esposa é muito companheira e agora além de todas as alegrias de dividirmos a vida juntos, deu a luz ao meu filho Arthur. Minha mãezinha é guerreira, daquela que não vê problemas mas sim soluções. Ainda mais hoje que me tornei pai, sei da importância que é pra um filho ter uma figura maior para se espelhar. E por causa de tudo isso estou tentando ser 20% do que minha mãe foi pra mim, sei que se conseguir ser no mínimo 20%, serei um pai extraordinário”. 

 

O cantor está trabalhando em um novo single para homenagear sua mãe, que será lançado brevemente, e partilhou um drama familiar que também tem sido motivador de prosseguir na carreira: “minha mãe sofre de Alzheimer e tem sido difícil para todos nós da família. Então resolvi, através da minha arte, da minha música, chamar atenção das pessoas para esse tema, inspirado nela, e assim conscientizar a sociedade”, afirma.

Comente com o facebook

Publicidade