Morador de zona nobre do Rio de Janeiro gasta R$250,00 em 30 min em um parque parcialmente quebrado
Um internauta chegou a brincar em rede social: "Ter filhos é gastar um carro no HotZone"
Um internauta chegou a brincar em rede social:
Redação Por Redação 10/09/2018
    Compartilhe:

Um morador da Barra da Tijuca, zona nobre do Rio de Janeiro, nos passou dados que realmente são impressionantes para uma realidade financeira do país. Ele alega ter gastado R$250,00 em apenas 30 minutos de brincadeira com seus filhos em um parque no shopping mais frequentado da cidade. Mas não para por aí, diz ele que muitos dos brinquedos estão quebrados e são brinquedos de desde que ele era jovem, já que o parque está a muitos anos no mesmo local.

"O parque não condiz com a realidade do nosso estado, gastei facilmente R$250,00 em 30 minutos de brincadeiras e detalhe, muitos dos brinquedos quebrados, principalmente os que dão fichas. Pois essas tais fichas, as crianças querem ganhar para trocar por brinquedos. E os brinquedos para trocar? Nossa, chega a ser ridículo, brinquedos com qualidades piores do que as dos fast food ou kinder ovo".

O cliente ainda alega ter passado o cartão em brinquedos que computadorizaram gastos e não funcionou:

"Passei o cartão em diversos brinquedos que eu não sabia se havia passado ou não, depois ao conferir o cartão, percebi que havia computado o gasto e o brinquedo não funcionou. Reclamei com o funcionário que logo me deu crédito sem conferir, ou seja, isso é normal. Imagina quantas pessoas gastam em brinquedos que não funcionam e nem se tocam. Os brinquedos maiores, mais divertidos, são o olho da cara e rápidos, ouvi o tempo inteiro frases do tipo: Mais já acabou?"

 

 

Comente com o facebook

Publicidade