Ministro da Fazenda "conta carneirinhos" durante discurso de Temer
Nem o ministro Meirelles aguenta a retórica de Temer.
Por Hebert Neri 21/07/2017
    Compartilhe:

Super vacilo. O ministro da Fazenda, Henrique Meirelles, cochilou por alguns segundos durante discurso do presidente Michel Temer (PMDB) na abertura da 50ª Cúpula do Mercosul, realizada nesta sexta-feira (21) em Mendoza, na Argentina. 

O ministro 'apagou' brevemente durante dois momentos do monótono discurso de Temer, que destacava a assinatura do Protocolo de Cooperação e Facilitação de Investimentos do Mercosul. "O acordo amplia a segurança jurídica e facilita os investimentos entre nossos países", dizia o presidente no trecho de seu pronunciamento que não foi ouvido pelo ministro da Fazenda, que estava ocupado no momento "contando carneirinhos" enquanto Temer desenvolvia sua retórica sapiente de vampiro.

Além de defender uma maior integração com os países membros do Mercosul, sendo o Brasil por ora presidente do bloco, o presidente Drácula Temer criticou o governo socialista do presidente Nicolás Maduro na Venezuela. O peemedebista disse que a situação no país ganha "contornos de crise humanitária" e que o Brasil acompanha o cenário venezuelano "com grande preocupação". Até porque o Brasil teve de fechar algumas vezes sua fronteira com a Venezuela devido ao grande número de pessoas fugindo do país vizinho.

Contudo, apesar disso, parece que o presidente sem querer resolveu uma questão de saúde pública nacional. O Brasil é o maior consumidor de Rivotril (clonazepam) do mundo. Talvez, a solução para essa questão crônica da insônia fosse apenas ligar a TV na NBR e relaxar, enquanto escuta mais um discurso de Temer.  #Partiu trocar as receitas de calmantes por alguns minutos de frente para a TV. 

 

Comente com o facebook

Publicidade