Joaquin Phoenix ganha o Oscar como Melhor Ator por 'Coringa'
Essa foi a quarta indicação em sua carreira.
Essa foi a quarta indicação em sua carreira.
Caio Machado Por Caio Machado 10/02/2020
    Compartilhe:

Joaquin Phoenix ganhou seu primeiro Oscar, como melhor ator, por seu trabalho como Coringa.

Ele era o grande favorito da categoria, após vencer prêmios do Sindicato dos Atores, o Globo de Ouro e o Bafta. O filme, campeão de indicações com 11, ganhou apenas mais um Oscar, o de trilha sonora original.

Em seu discurso de agradecimento, ele falou sobre reconhecer erros e perdão.

"Quando usamos amor e compaixão como nossos guias principais, nós criamos sistemas de mudança", afirmou.

"Não quando nos cancelamos pelos erros do passado, mas quando nos guiamos para crescer, por redenção, esse é o melhor da humanidade."

Emocionado, o ator se lembrou do irmão, o também ator River Phoenix, que morreu aos 23 anos em 1993. "Quando ele tinha 17 anos, meu irmão escreveu isso. Ele disse: 'corram ao resgate com amor, e paz será o resultado'."

"Não sinto me elevado acima dos meus colegas indicados ou de qualquer um nesta sala, pois compartilhamos o amor pelo cinema, e essa forma de expressão me deu a vida mais extraordinária", afirmou.

"Mas acho que o presente mais maravilhoso que me deu é a oportunidade de dar a voz para quem não tem voz. Tenho pensado muito nesses problemas que temos enfrentamos coleticamente", disse, antes de listar igualdade de gênero, racismo e ambientalismo.

Joaquin Rafael Bottom tem 45 anos e nasceu em San Juan, em Porto Rico. Irmão dos também atores River, Phoenix, Liberty e Summer Phoenix, ele se mudou para Los Angeles aos seis anos.

O primeiro papel foi em uma série de TV que tinha Rivers no elenco. Joaquin conseguiu uma participação em "Seven Brides for Seven Brothers", em 1982.

Comente com o facebook

Publicidade