Grafiteiro homenageia Pantera Negra nos muros da Lapa - RJ
Ator de Pantera Negra, Chadwick Boseman foi homenageado com pintura, após falecer na última sexta-feira (28/08), vítima de câncer no cólon
Ator de Pantera Negra, Chadwick Boseman foi homenageado com pintura, após falecer na última sexta-feira (28/08), vítima de câncer no cólon
Ricky Rocha Por Ricky Rocha 01/09/2020
    Compartilhe:

Na sexta feira passada, o mundo foi surpreendido com a notícia da morte do ator estadunidense Chadwick Boseman, de 42 anos, em decorrência de um câncer no cólon. O astro ganhou notoriedade ao dar vida nos cinemas ao herói Pantera Negra, e rapidamente se tornou um fenônemo da cultura pop e da luta racial.

Não faltaram homenagens e pronunciamentos ao ator por todo o mundo, sendo lembrado e reverêncciado por inumeros admiradores de seu trabalho, dentre eles, muitos artistas e diretores.

No Rio de Janeiro, a homenagem ocorreu neste domingo (30/08), o grafiteiro e MC Airá Ocrespo, importante nome da arte de rua carioca, pintou a imagem do herói com seu uniforme do Pantera Negra em um mural na Rua dos Arcos para celebrar a luta do ator que enfrentava a doença desde 2016.

O anúncio de sua morte, feito por familiares nas redes sociais, foi a publicação que mais gerou interação entre internautas na história da era digital.

Airá falou, “Uma grande perda para o mundo da arte, para a cultura negra, para nossa luta… Mas o legado será lembrado pelo talento, ousadia e dignidade com que representou em sua curta trajetória”, disse o artista, autor de muitos painéis pela cidade, dentre eles, a homenagem às 10 crianças vítimas do incêndio no Ninho do Urubu no ano passado, com os rostos nas paredes do Maracanã; e também, o recém-terminado em homenagem à Marielle Franco, também lá na Lapa, pare relembrar os dois anos sem a vereadora assassinada e o mesmo tempo sem resposta da Justiça.

Comente com o facebook

Publicidade