Ex-Presidente Lula tenta novamente ir a debate na Band
O Ex-presidente Lula, que está preso desde 7 de abril, por corrupção. Tentou novamente um pedido para ir aos debates na band tv, no dia 9.
O Ex-presidente Lula, que está preso desde 7 de abril, por corrupção. Tentou novamente um pedido para ir aos debates na band tv, no dia 9.

Créditos do fotógrafo Reprodução

Daiane Siquelli Teófilo Por Daiane Siquelli Teófilo 06/08/2018
    Compartilhe:

O ex-presidente e agora então candidato a presidência novamente pelo PT, Luiz Inácio Lula da Silva que teve oficializada a sua candidatura ao Planalto no último sábado (4), durante uma convenção do PT, vai à Justiça para tentar participar do debate na Band. De acordo com o UOL, o ex-presidente reforçará o pedido no Tribunal Regional Federal da 4ªRegião (TRF-4).

Reelembrando que uma primeira solicitação já foi feita e negada pela juíza federal Carolina Lebbos, que julgou na primeira instância, no último dia 17 de julho. Agora a questão está no TRF-4 e ainda não foi analisada pelo desembargador João Pedro Gebran Neto.

O jornalista Ricardo Boechat, que é um dos responsáveis pelo debate da Band, disse na manhã desta segunda-feira (6), em seu programa na rádio BandNews FM, que se Lula não for liberado para participar do encontro, ele não poderá ser representado por outra pessoa, neste caso, o vice da chapa, Fernando Haddad.

"Não cabe à Band garantir que ele saia da cadeia para vir ao debate. Cabe à Band convidar o partido para trazer seu candidato, seja ele qual for. Agora, pelo andar da carruagem, é improvável que o Lula tenha autorização da Justiça para deixar a cadeia para participar não só do debate da Band, como qualquer outro ato de campanha", declarou Boechat.

Ele foi condenado em segunda instância a 12 anos e um mês de prisão por corrupção passiva e lavagem de dinheiro. No entanto, a candidatura dele será registrada pelo PT no Tribunal Superior Eleitoral, no dia 15 de agosto.

Comente com o facebook

Publicidade