Cúpula do PSDB discute expulsão de Aécio
PSDB espera pedido de licença do deputado até agosto.
PSDB espera pedido de licença do deputado até agosto.
Ricky Rocha Por Ricky Rocha 08/07/2019
    Compartilhe:

A cúpula do PSDB quer que o deputado federal Aécio Neves (MG) e outros tucanos na mira da Polícia Federal (PF) se licenciem do partido até agosto. O partido ja esta chegando a discutir a expulsão de Aécio do partido, mas o comando do partido tem a expectativa de que o deputado se antecipe e se afaste do partido afim de evitar a expulsão.

O PSDB, agora esta sob o comando do ex-deputado federal e ex-ministro Bruno Araújo (PE), que tem articulado para "repaginar" a imagem da sigla, que tem entre seus caciques o governador de São Paulo, João Doria.

Doria nega publicamente, mas já pavimenta candidatura à sucessão presidencial em 2022. Por isso, seu grupo trabalha para afastar políticos investigados do partido, numa tentativa de "blindar" a sigla. A movimentação para expulsar Aécio, que foi revelada pelo colunista Lauro Jardim, inclui também outros investigados, como Beto Richa, ex-governador do Paraná.

Ainda na semana passada, o deputado Aécio Neves virou réu na Justiça Federal de São Paulo por corrupção e obstrução à Justiça, acusado de tentar atrapalhar o andamento da Operação Lava Jato. O empresário Joesley Batista afirma ter pago propina de R$ 2 milhões ao deputado e sua irmã em 2017.

A defesa do deputado diz que não é fato novo e que vai provar que Aécio foi vítima de ação criminosa.

Como será o desfecho destas manobras políticas ja visando as próximas eleições presidenciais?

Comente com o facebook

Publicidade