Bolsonaro testa positivo para covid-19, diz que está bem e já faz uso da cloroquina
O presidente Jair Bolsonaro está tomando cloroquina para combater o novo coronavírus
O presidente Jair Bolsonaro está tomando cloroquina para combater o novo coronavírus

Créditos do fotógrafo Direitos Reservados

Redação Por Redação 07/07/2020
    Compartilhe:

Hoje, nesta terça-feira (7), o presidente Jair Bolsonaro revelou que testou positivo para Covid-19, mas que está tomando cloroquina para tratar da doença.

Segundo relatou o próprio presidente, chegou a ter febre de 38 graus e sentiu mal-estar e cansaço. No entanto, agora ele afirma que está "perfeitamente bem".

"Em 24 de março, em pronunciamento em rede nacional de rádio e televisão, Bolsonaro chamou a doença provocada pelo coronavírus, de "gripezinha" e afirmou que pelo seu histórico de atleta, "caso fosse contaminado com o vírus, não precisaria me preocupar. Nada sentiria ou seria, quando muito, acometido de uma gripezinha ou resfriadinho".

"Estou bem, estou normal. Em comparação a ontem [segunda], estou muito bem. Estou até com vontade de fazer uma caminhada, mas não vou fazê-lo por recomendação médica, mas eu estou muito bem", afirmou.

O presidente tem 65 anos e faz parte da faixa etária considerada por especialistas como grupo de risco. Ele informou que nos próximos dias vai despachar por videoconferênciana residência oficial do Palácio da Alvorada e que talvez receba auxiliares para assinar documentos. Bolsonaro cancelou viagens que faria à Bahia e a Minas Gerais.

O presidente também informou que a primeira-dama Michelle Bolsonaro realizou nesta terça-feira um exame para saber se tem o novo coronavírus. Ele não citou o resultado do teste.

Encontros recentes

No sábado (4), o presidente, ministros e um dos filhos, o deputado federal Eduardo Bolsonaro (PSL-SP), participaram de almoço promovido pela embaixada dos Estados Unidos no Brasil em comemoração à independência norte-americana.

Na ocasião, os participantes posaram para fotos sem máscaras. Em uma das imagens, Bolsonaro aparece abraçado ao ministro das Relações Exteriores, Ernesto Araújo.

A embaixada norte-americana informou que o embaixador Todd Chapman não apresenta sintomas e "fará os testes".

Também no sábado, o presidente viajou para Santa Catarina, onde sobrevoou áreas atingidas por um ciclone na semana passada. Conforme fotos divulgadas pelo Palácio do Planalto, o presidente, usando máscara, apertou a mão de uma mulher, caminhou ao lado de políticos e fez foto ao lado de funcionários do aeroporto.

Na segunda, Bolsonaro teve uma série de reuniões ao longo do dia com ministros, entre os quais, Paulo Guedes (Economia), José Levi (AGU), Braga Netto (Casa Civil), Jorge Oliveira (Secretaria-Geral), Luiz Eduardo Ramos (Secretaria de Governo) e Augusto Heleno (GSI). Heleno já teve Covid-19 e se recuperou.

Comente com o facebook

Publicidade