Bateu o estresse ? Casa Gaiola oferece o melhor lugar para relaxar dentro da natureza
Refúgio litorâneo particular proporciona serviços de hotel e acolhe com o espírito de um Brasil autêntico
Refúgio litorâneo particular proporciona serviços de hotel e acolhe com o espírito de um Brasil autêntico
Redação Por Redação 07/10/2019
    Compartilhe:

 

Poucos são melhores que os franceses Benjamin Cano Louis Planès para captar a singular essência tropical das terras brasileiras e transformá-la em hospedagens elegantes, despretensiosas e cheias de estilo. Primeiro foi a Casa Mosquito hotel boutique, Em seguida, a dupla abriu as portas da Casa Gaiolas,deixando a sua marca na tranquila e costeira Picinguaba, vila de pescadores localizada entre Ubatuba e Paraty.

Desde a primeira visita, os dois ficaram encantados pela região ecologicamente protegida e tombada pelo patrimônio histórico. “Aqui em Picinguaba existe uma simpatia genuína que vêm de pessoas de verdade. Todos amam, preservam e cuidam muito bem da vila”, conta Benjamim referindo-se tanto à natureza quanto ao charmoso centrinho local”. É um paraíso pacífico longe de tudo, não é à toa que muitos artistas e músicos decidiram morar aqui.”

Localizada bem em frente a um mar calmo e azul, a Casa Gaiolas é um espaço 100% prive onde é recebido um grupo por vez, seja ele composto por uma família ou uma turma de amigos. “Trata-se de uma casa com serviços de hotel que acolhe com o espírito de um Brasil autêntico”, explica. “Servimos frutas locais, além de peixes, ostras e vieiras frescas que os hóspedes podem comprar diretamente dos pescadores.”

O conforto e o jeito especial de receber da Casa Gaiolas é confiado à Dona Rosely, caseira de lá há dez anos desde quando a propriedade pertencia aos donos anteriores, também franceses. Os hóspedes contam com a sua ajuda exclusiva para cuidar da casa, lavar as roupas e prepararas refeições  que, aliás, também podem ser desfrutadas ao ar livre sob uma pérgola. Nos mercados locais encontram se ótimas opções de ingredientes e vinhos. “Uma boa ideia é degustá-los à noite, ao redor da lareira da sala, quando costuma fazer um friozinho.”

Casa Gaiolas tem 140 metros quadrados e o espaço é dividido em dois andares, que oferecem duas suítes e comporta seis pessoas no total, com a possibilidade de duas delas serem crianças acomodadas em colchões no Mezanino. Tudo bem à vontade, mas com muito conforto e luxo.

Predominantemente rústica, a decoração recebeu uma curadoria de objetos cuidadosamente selecionada pelos sócios. As louças foram garimpadas em Biot, região costeira no sudeste da França, os talheres são os famosos Laguiole e até os faróis que fazem parte da composição vieram do famoso navio Le France. As gaiolas de madeira, que já estavam penduradas na casa antes de Benjamin e Louis adquirirem o estabelecimento, não apenas permaneceram ali como também inspiraram o nome da casa.

Com a ideia de fazer com que os hóspedes mergulhem na atmosfera relaxada e se conectem com a flora e fauna da Serra do Mar–araras e bichos preguiças fazem suas moradas no ecossistema local na Casa Gaiolas não há TV nem telefone. O espaço, no entanto, oferece conexão Wi-Fi.

As maravilhas da região podem ser exploradas com o suporte da rede de parceiros da casa, que oferecem passeios de barco pela Baía de Picinguaba, Ilha da Couves e Praia da Fazenda, além de trilhas em cachoeiras, atividades no caiaque, entre outras.

As diárias da Casa Gaiolas variam de R$ 600,00 a R$ 800,00, dependendo da temporada, e as reservas podem ser feitas pelo email. Nas épocas menos populares para viagens não é preciso fazer uma reserva tão antecipada. Já para os feriados e festas, o melhor é se planejar com antecedência e,assim,garantir uma vaga no paraíso.

CASA GAIOLAS

Proprietários: Benjamin Cano Planès e Louis Planès

Endereço: Rua Projetada A - Picinguaba – São Paulo – Brasil

Telefone: (21) 98291-3379

Reservas : [email protected]

Comente com o facebook

Publicidade