Anderson Silva fala para McGregor esquecer Khabib e lutar com ele
O brasileiro afirmou ainda que aceitaria encarar o "Notorious" em peso casado até 180 libras (cerca de 81,7kg)
O brasileiro afirmou ainda que aceitaria encarar o
Ricky Rocha Por Ricky Rocha 21/10/2018
    Compartilhe:

Anderson Silva segue fazendo campanha para uma possível luta contra Conor McGregor. Em entrevista ao site TMZ, o Spider pediu para o irlandês esquecer uma revanche contra Khabib Nurmagomedov e enfrentá-lo no octógono. O brasileiro afirmou ainda que aceitaria encarar o "Notorious" em peso casado até 180 libras (cerca de 81,7kg).

Anderson Silva: Conor McGregor precisa de uma luta comigo:

'Eu aceitei o desafio'

"Estou esperando. Aceitei o desafio de Conor. Agora o problema é das pessoas de cima. Não é exatamente um problema, mas acho que Dana deveria pensar sobre isso. São dois grandes nomes deste esporte, duas lendas, então por que não? É uma superluta", disse Spider.

Silva aproveitou também para dizer que não acredita em uma vitória de McGregor contra Khabib em um eventual reencontro. O irlandês foi finalizado pelo russo em um combate que acabou com uma briga generalizada no octógono no UFC 229, no dia 6 de outubro.

"Eu não acredito que Conor possa vencer Khabib, definitivamente não. Eu acredito que ele deva lutar comigo. Essa é uma boa luta. Deixe eu te dizer uma coisa muito importante, Conor. Essa luta não é pelo dinheiro. É pelo desafio de artes marciais", opinou.

Questionado também sobre quem gostaria de enfrentar em seu retorno caso a luta contra Conor não se concretize, Anderson Silva sugeriu um novo encontro contra Nick Diaz. O brasileiro venceu o americano por decisão unânime em 2015, mas o combate foi declarado como "sem resultado" após os dois lutadores terem sido flagrados em exames antidoping.

"Acredito que eu contra Nick Diaz seria uma boa luta. Na última vez, nós dois perdemos Seria uma luta interessante para ambos", finalizou.

Anderson Silva cumpre suspensão até 10 de novembro imposta pela USADA (Agência Antidoping dos EUA) por conta de uso de suplemento contaminado

Comente com o facebook

Publicidade