Alma Copeira! Grêmio vence no Monumental
Grêmio consegue vitória importante na Argentina, e precisará de apenas um empate em casa para ir às finais da Libertadores
Grêmio consegue vitória importante na Argentina, e precisará de apenas um empate em casa para ir às finais da Libertadores

Créditos do fotógrafo Reuters

Marcio Azevedo Por Marcio Azevedo 24/10/2018
    Compartilhe:

O Grêmio mostrou, mais uma vez nessa Libertadores da América, que tem alma copeira.

Ao vencer o primeiro jogo das semifinais contra o River Plate por 1x0, em pleno Monumental de Núñez (Argentina), o Tricolor Imortal deu o primeiro passo rumo à classificação para as finais do maior torneio das Américas.

Sem poder contar com Luan e Everton, que se recuperam de problemas físicos, o treinador Renato Portaluppi montou uma equipe mais preocupada em marcar o adversário que própriamente criar oportunidades. A primeira parte foi até bem desenvolvida, com poucas chances aos argentinos e um chute forte de Cícero de fora da área. A partir dos 30 minutos do primeiro tempo, a equipe argentina foi para cima, empurrada por sua torcida, e não saiu mais. Palacios e Martínez obrigaram o goleiro Marcelo Grohe a executar boas defesas, enquanto o Tricolor apenas corria atrás da bola. 

O zagueiro Pedro Geromel marcando dois jogadores do River Plate (Foto: Wesley Santos / Agência PressDigital)

O Grêmio voltou um pouco mais acuado no segundo tempo, levando o primeiro susto logo aos cinco minutos. Maidana se livrou da marcação de Kannemann e cabeceou livre sobre o gol de Grohe. Mas o Grêmio foi conseguindo colocar seu ritmo no jogo, e pouco a pouco foi cozinhando os argentinos, no maior estilo copeiro de ser. E logo aos dezesseis minutos do segundo tempo, em cobrança de escanteio de Alisson, o volante Michel subiu mais alto que a marcação para estufar a rede. Após o gol gremista, o River se abateu e não conseguiu mais criar boas chances. Aos 33 minutos do segundo tempo, Leonardo pegou a sobra de uma falta e quase marcou o segundo gol do tricolor. No fim, o River ainda tentou o empate em cobrança de falta de Quintero, nos acréscimos do segundo tempo, mas Grohe segurou a vitória do Imortal.

Comemoração de Michel após marcar o importante gol da vitória (Foto: Wesley Santos / Agência PressDigital)

Porém, nem tudo são flores para o time gaúcho. Apesar de precisar apenas de um empate para se classificar às finais, o Grêmio não poderá contar com o zagueiro Kannemann, que levou o terceiro cartão amarelo e ficará fora do segundo jogo das semifinais, que acontece na próxima terça-feira, dia 30/10, às 21h45h. Para o jogo em casa, é provável que o tricolor tenha os retornos de Luan e Everton.

Comente com o facebook

Publicidade